quinta-feira, março 17, 2011

Essência e Perfume


Eu olho e continuarei olhando...contudo também passei a olhar para o lado e para frente, realizando e querendo o melhor para mim e para quem eu gosto. Sei o que quero para meu futuro e vou a luta.

Quero essência! Não, não quero perfume, que vai com o tempo e se perde na multidão. Essência fica, marca, tem presença e atitude de ser mais. Já disse exatamente isto para uma pessoa.

Gostar de alguém é saber entender-lhe em seus mistérios, em seus segredos, por completo, e isso não é invasão. É conhecimento para resgatar sua essência, de encontro com sua alma, com seu coração.


Reconheço que esta situação ultrapassa alguns limites da minha racionalidade e daquela comum ao ser humano que, por praticididade, comodismo e medo, se isola em um individualismo frágil e inútil. Não é simples entender o outro tanto quanto a si mesmo. 


Não serei e não quero que ele, "o cara", seja "muleta terapêutica" da minha caminhada, quero ir de encontro com o futuro, pleno de meus sentimentos, de minha estima, de meu amor-próprio. Só assim seremos cúmplices de algo digno, íntegro e eterno em sentimentos de carinho e afeição, muito além de sexo e prazer que, é claro, devem seguir um mesmo fluxo, mas não ser a viga mestra.

Vou derrubando barreiras para construir meu caminho e todo o esforço não será em vão. Tentar, experimentar e ousar é o mínimo que posso fazer para encontrar aquilo que procuro. Se ficar acomodado a vida passará na minha janela e não haverei de conquistar minha liberdade com outro alguém.


"Nada lhe posso dar que já não exista em você mesmo. Não posso abrir-lhe outro mundo de imagens, além daquele que há em sua própria alma. Nada lhe posso dar a não ser a oportunidade, o impulso, a chave. Eu o ajudarei a tornar visível o seu próprio mundo, e isso é tudo." (Herman Hesse)

Marcelo Poloni

* Imagem produzida pelo meu querido Corvo Devaneio, designer e sonhador como eu....

5 comentários:

  1. Lindo o texto e a frase de Oscar.

    bjão, querido.

    ResponderExcluir
  2. facebook.com/electroguy17 de março de 2011 10:44

    Muito bonito e de certa forma romantico, mas a entrega não tem que ser de duas pessoas? O Amor próprio é fundamental para o conhecimento e a entrega que tanto procuramos...
    Parabens!
    Alex

    ResponderExcluir
  3. O "omi" das palavras, que as sabe usar muito bem..

    ResponderExcluir
  4. Para mim o amor começa pelo amor próprio... É muito triste quando apenas um ama. Lógico que não se ama de maneira igual estando numa relação ou não. E nem devemos cobrar do outro que ame da mesma maneira que estamos amando-o. O foda é amar sozinho. Agora, eu já te disse que fica difícil cobrar amor de uma pessoa que não sabe o que é isso. É simplesmente complicado...

    ResponderExcluir
  5. Amo os perfumes... mas todos advém de uma essência!

    Quero ter o meu todo desvendado e isto me basta!!!

    ResponderExcluir

Criar não é imaginação, é correr o grande risco de se ter a realidade. Entender é uma criação, meu único modo. Clarice Lispector.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...